Doctors Profile

Miguel Monteiro

Entrevista – Miguel Monteiro

 

1 – O que o levou a escolher esta profissão?

A área da saúde sempre me cativou por duas vertentes: a de entrega e ajuda a quem mais precisa e o desafio da complexidade que é a doença e o medicamento. Daí surgiu o interesse por Ciências Farmacêuticas, o conciliar de ter um espírito crítico, com conhecimento bem fundamentado e o estar em contacto diariamente com o utente, ajudando lentamente a resolver os problemas de cada um. Saber que contribuo para o bem estar e para a educação da população faz-me sentir realizado. Mais que uma escolha de profissão, considero que ser Farmacêutico é a minha vocação. Poder estar na Farmácia Central do Cacém, na minha área de residência, só aumenta esse sentimento.

2 – Conte-nos uma história engraçada que lhe tenha acontecido na Farmácia.

Uns dias após o Natal, no fim do atendimento, o jovem que estava a atender toca na senhora do atendimento ao lado e diz “mãe?”. Eram mãe e filho que claramente não se viam há algum tempo e ver um acontecimento destes à nossa frente foi emocionante.

3 – Se pudesse ajudar qualquer pessoa do mundo quem seria? E porquê?

Todas as pessoas que por um motivo ou por outro, precisam da minha ajuda. O que acaba por acontecer todos os dias, por detrás dum balcão branco, seja a idosos, a mães desesperadas ou a qualquer outra pessoa que necessite da minha e da nossa ajuda.

4 – Se não fosse farmacêutico o que gostaria de ser?

Algo que me lembro de querer desde que sou pequeno é Polícia, ser a linha da frente na garantia da segurança de toda a população. Por outro lado, uma veia em mim sempre foi muito musical, pelo que o sonho de ser músico apresentou-se como uma vida alternativa que podia ter seguido.

5 – Defina a Farmácia Central do Cacém numa frase.

A instituição que faz mais e mais pelas pessoas.

Working Hours

  • monday00:00-00:00
  • tuesday00:00-00:00
  • wednesday00:00-00:00
  • thursday00:00-00:00
  • friday00:00-00:00
  • saturday00:00-00:00
  • sunday00:00-00:00
Book Appointment